10 coisas que você precisa saber sobre Ripple

Pode não parecer, mas o mundo das criptomoedas ainda é um mercado relativamente novo. Até há poucos anos atrás, ninguém lhe saberia dizer o que é o Bitcoin ou o Ripple e ninguém acreditava se lhe dissessem que alguém poderia ficar milionário por investir 500 dólares em Bitcoins em 2013.

A verdade é que este ainda é um mercado em crescimento e, como tal, nesta etapa de adoção transitiva, ainda existem muitas dúvidas que precisam ser esclarecidas. Neste artigo, vamos explorar 10 coisas e factos que você precisa de saber antes de investir no Ripple (XRP)!

1. O que é o Ripple?

O Ripple é uma criptomoeda criada para o setor bancário para tornar transações e liquidações entre bancos muito mais rápidas e baratas. Em média, uma transação Ripple leva cerca de 4 segundos para ser liquidada, em comparação com o Bitcoin, que leva cerca de 1 hora. Em termos de redução de custos, o uso do Ripple pode reduzir os custos de liquidação global dos bancos em até 60%, o que o deixa bem posicionado para transformar completamente a indústria de liquidações financeiras globais.

2. Qual é o lado negativo do Ripple?

Diferentemente da maioria das criptomoedas, o Ripple não é um protocolo descentralizado. O que isto significa?

Bem, vamos pegar o Bitcoin, por exemplo. Uma das principais ideias por trás do BTC é que ele é uma moeda “descentralizada” (e a grande maioria das outras “moedas alt” também são descentralizadas). Isso significa que é open source, ou em outras palavras, qualquer um pode verificar a validade das transações, porque o registro de quem pagou é gravado permanentemente e distribuído para quem quiser verificar.

Este não é o caso do Ripple. Ele tem um registro centralizado (ou ledger), muito parecido com o sistema bancário atual. Você não pode simplesmente entrar em um banco e ver qual conta bancária pagou quem e em que data, a menos que trabalhe no banco e tenha acesso aos dados.

A razão pela qual alguns veem isso como um problema, é porque você pode verificar transações com Bitcoin e, embora nomes e identidades permaneçam anónimos, há uma maneira de identificar que uma conta pagou outra conta X em dinheiro na data Y, para que as disputas possam ser resolvidas deste jeito.

Com o Ripple, você precisa confiar que a autoridade que mantém o ledger de transações (Ripple Labs) está fornecendo os dados de transações de forma correta e integral.

No entanto, teoricamente qualquer pessoa ou entidade pode criar e configurar o seu próprio validador do ledger da rede Ripple completa, através do Rippled.

Assim, embora atualmente virtualmente todos os validadores de confiança estejam sob alçada da Ripple Labs, com o passar dos anos, a rede vai se tornando cada vez mais descentralizada.

 

3. Qual é o lado positivo do Ripple?

Bem, o fato de o Ripple ser um projeto centralizado (ou protocolo) é uma faca de dois gumes. Por um lado, você não pode simplesmente verificar o livro aberto do Ripple, pois ele não é mantido totalmente (ainda) por uma rede descentralizada. No entanto, a enorme vantagem da moeda ser centralizada é que a confirmação de cada transação é muito, muito mais rápida do que o Bitcoin. Conforme mencionado, os tempos médios de liquidação da transação com o Ripple levam 4 segundos, em comparação com a 1 hora do Bitcoin.

O custo de uma rede descentralizada é que a mesma leva mais tempo para verificar e liquidar.

 

4. Quantas moedas de Ripple (XRP) existem?

Ripple xrp

O Ripple tem, provavelmente, o maior total de moedas (ou tokens)em circulação em comparação com todas as outras criptomoedas mais estabelecidas –  com um total de 39.094.520.623 de XRP. Isso são 39bilhões de moed as XRP em circulação!

Em comparação com o fornecimento total de Bitcoins de 21.000.000 BTC ou 21 milhões, esse é uma enorme circulação potencial de tokens.

 

5. Por que existem tantos Ripples (XRP) em circulação?

Como a Ripple foi projetada para ir atrás do nicho interbancário (que movimenta mais de US $ 14 trilhões por dia), ela precisa de uma grande oferta máxima para atender efetivamente à demanda futura que os criadores da Ripple esperam para essa moeda.

 

6. Qual é o potencial do Ripple?

Ninguém sabe realmente, mas como mencionado no ponto 5, a Ripple tem como alvo um mercado bancário global de US $ 14 trilhões por dia, e foi projetada para liquidar o pagamento muito mais rapidamente do que o atual modelo bancário intradiário ( o SWIFT).

Por essa razão, alguns comentaristas e analistas acreditam que, uma vez que o Ripple esteja funcionando a 100% a larga escala, ele poderá transformar por completo a indústria-alvo e gerar uma capitalização de mercado (valor total do Ripple) na casa dos trilhões de dólares!

No momento atual da redação (Abril de 2018), a Ripple tem uma capitalização de mercado de aproximadamente US $ 21 bilhões. Tornando-se a terceira criptomoeda mais valiosa após Bitcoin e Ethereum em termos de capitalização de mercado.

 

7. Por que eu deveria me importar com o Ripple?

Bem, enquanto o projeto certamente tem objetivos ambiciosos para assumir um nicho extremamente valioso dentro do setor bancário, o quão credível é?

Já possui várias instituições financeiras de alto perfil que se inscreveram no projeto como clientes. No momento em que escrevo , esses clientes incluem o UBS, o Royal Bank of Canada, o Santander, o Standard Chartered, o BBVA, Crédit Agricole, MoneyGram, American Express, além de muitos outros. Muitos desses clientes estão neste momento introduzindo maneiras de integrar o Ripple em seus aplicativos bancários.

8. Como será o futuro imediato para o Ripple?

Atualmente, depois de passar por um grande desenvolvimento e ter conseguido algumas empresas financeiras de alto nível a bordo, a Ripple está planejando prosseguir com o desenvolvimento da sua tecnologia, ao mesmo tempo que continua a apresentá-la ao mundo empresarial e corporativo, ganhando mais e mais tração no mercado B2B (business-to-business).

A generalidade dos especialistas/analistas acredita que o Ripple irá prosseguir a trajetório de 2017, onde viu um aumento significativo que o levou para perto do topo das criptomoedas (ficando apenas atrás do próprio Bitcoin). Sorria, o futuro parece risonho para quem investe em Ripple (XRP)!

 

9. Por que eu não ouvi falar do Ripple até agora?

Embora exista muito hype em torno das criptomoedas atualmente, com o preço do Bitcoin subindo mais do que o histórico preço do ouro e aumentos acentuados nos preços de várias outras criptomoedas como o Ethereum, o Ripple ainda está voando sob o radar, mesmo sendo a terceira maior criptomoeda (no momento da escrita) em termos de capitalização de mercado.

Isto é possivelmente porque o Ripple é suportado por um conceito ligeiramente diferente da generalidade das criptomoedas, apelando diretamente aos bancos e instituições financeiras.

Portanto, se está agora ouvindo falar sobre Ripple ou XRP, considere-se um sortudo. Investigue mais sobre a empresa e a sua tecnologia e invista de forma responsável!


10. Devo investir em Ripple em 2018?

Eu não sou um consultor financeiro, nem sou algum tipo de Deus que pode garantir com 100% de certeza tudo sobre o futuro. Minha opinião pessoal é que parece ser um projeto interessante e com tremendo potencial.

No entanto, todo o espaço das criptomoedas é extremamente especulativo e volátil e poucas pessoas realmente entendem todos os detalhes técnicos envolvidos (incluindo perspectivas econômicas, políticas, matemáticas, regulatórias e de programação).

Não estou encorajando nem desencorajando os leitores a se envolverem com este projeto. O objetivo deste artigo é apenas fornecer novos insights. E sugiro que você pesquise por conta própria e, se estiver pensando em investir, não arrisque mais do que pode perder.

Agora que já conhece um pouco melhor o mercado das criptomoedas, siga o link abaixo e descubra num vídeo exclusivo todos os segredos do Bitcoin e como começar a criar rendimentos investindo em Bitcoin:

Comments (No)

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.